Dicas de uma vegan que gosta de comida gostosa

Fiz uma lista dos lugares onde costumo comer, todos esses tem boas alternativas para vegans. Muitas pessoas têm dúvidas de onde ir, onde levar os amigos vegans ou não vegans para comer. Segue minhas impressões sobre esses restaurantes. Bon appetit!

                                                                       * Foto: Indayara Moyano
Lótus – Primeiro da lista, sou freqüentadora antiga desse restaurante especializado em comida chinesa. Lá tudo é vegetariano e na maioria vegan, mas agrada as todos os paladares. É um resturante por kilo, eu geralmente gasto uns R$18 comendo bem. O lótus é parada obrigatória quando se está pros lados do centro da cidade. Quem não o conhece, vá até lá se deliciar com suas opções agridoces. O único ponto negativo é que não tem sobremesa vegan, humpf!

Banana Verde - Muito gostoso, pratos mais sofisticados, com boa apresentação e os vegans são bem tratados. Tem um suco de uva verde incrível. É uma ótima escolha para levar a família e amigos não vegetarianos. Custo médio é uns R$35 por pessoa. Às vezes tem sobremesa vegan, mas não é sempre.



Vegacy – Restaurante totalmente vegan. No almoço é por kilo e durante todo o dia funciona a lanchonete com vários tipos de salgados, bebidas com leite de soja como milk shake, chocolate quente, cappucino. Como sou doçólotra meu ponto positivo vai para as várias opções de sobremesas, tem cupcake, torta de banana, bolo trufado, hummm! Fora que os donos e os funcionários são vegans e ativistas e acho importante apoiar.


América e Ráscal - Nessas duas redes de restaurantes come-se bem quanto estiver disposto a gastar um pouco mais. No América tem o buffet de salada que é bem bom, tem  também uma massa de espinafre com molho vermelho muito gostoso e um sandwich com legumes grelhados. Algumas opções tem que se fazer alterações, tipo tirar o queijo e colocar outra coisa. Mas eles fazem sem problemas. No Ráscal tem um buffet mais diversificado, mas não tem massa sem ovos. A pizza tem massa vegan, só fazer as devidas alterações das coberturas. É, nesse também não tem sobremesa sem ovo e leite =S

Cereal Brasil – Eu freqüento o Cereal Brasil faz alguns meses e gostei muito. Com um cardápio diferente e muitas opções vegans. Ah, eles tem sobremesa vegan, outro dia comi uma torta de banana sensacional. O preço varia, às vezes é por kilo, às vezes self service, eu costumo gastar uns R$20.

Padaria Villa Grano 24h – Essa é uma excelente alternativa para as madrugadas esfomeadas. Eles têm um sandwich de legumes grelhados bem gostoso. Tem também um hambúrguer de soja “sem vergonha”, mas as 3h da manhã ele desce que é uma beleza. O suco de açaí é realmente bom e super grosso. Sustenta, viu?

Pompéia I – É uma pizzaria delivery aqui da minha área. E pra quem mora na zona oeste pode pedir também. Eu descobri que a massa da pizza não ia ingrediente animal e montei minha própria cobertura. Ficou delícia! Além do que eles fizeram as alterações sem ficar criando problemas. Eu indico muito! É só pedir pra tirar o queijo e por outras coisas. Ah, e é sempre bom repetir 3 vezes que é sem nenhum queijo, só por garantia.

El Kabong – Restaurante mexicano que tem opções vegetarianas no cardápio faz muito tempo. É bem gostoso, mas faz tempo que não vou. Da última vez fui no concorrente chamado Si Señor e me arrependi muito. A comida e o atendimento foram péssimos. Eu tive que fazer alterações no meu pedido e fui mal tratada e o prato ainda veio errado. Enfim, se quiser comer mexicano vá ao El kabong que não tem erro, só tem fila.

Fulô - Adoro o Fulô, apesar de algumas vezes o atendimento não ser tão bom. É uma ótima alternativa para se comer à noite, já que quase todos os vegetarianos não abrem pro jantar. No cardápio tem muitas opções vegans e às vezes até sobremesa =D. Da última vez que fui gastei uns R$35.

Kebab Salonu – Restaurante árabe sempre foi um Oásis para os vegetarianos ao redor do mundo. E em São paulo não é diferente, temos muitas locais. O Kebab Salonu tem um diferencial que é o ambiente bem decorado e sem cheiro de fritura. Além do cardápio mais variado e refinado que a maioria. No almoço têm uma opção muito boa com entrada, prato principal e sobremesa por R$20. A noite tem saladas e os kebabs, porém o pão que eles fazem vai leite. É necessário avisar com antecedência que eles preparam uma versão sem leite. O dono e Chef é uma pessoa super acessível e sempre fui bem tratada.

Tandoor - Meu restaurante indiano preferido. Sempre penso com um certo pesar no porque não tivemos mais imigrantes indianos. Como seria bom termos um restaurante indiano em cada esquina com preços mais acessíveis. Por aqui, se quiser comer num indiano prepara o bolso que gasto médio é uns R$50 por pessoa. Mas vale cada centavo. Só de pensar nas samosas já me da água na boca. Amo as pimentas e as misturas dos condimentos.



Gopala – Esse ficou no fim, pois é um restaurante lacto-vegetarino de cabo a rabo. Isso quer dizer que não há nenhuma opção sem laticínios no cardápio.  Por isso nunca comi lá e deixo aqui a minha queixa: “Sr. Gopala, gostaria de poder ir almoçar com meus amigos no seu estabelecimento, pois me falaram muito bem do sabor. Quer fazer o favor de usar menos manteiga e mais azeite extra virgem! Obrigada.”.


NÃO INDICO – O motivo da minha não indicação é por que a comida não tem gosto. A gente já tem que engolir tanto sapo nessa vida, que pelo menos a comida seja gostosa, né?

- Apfel, Vegethus, Nutrisom

13 comentários:

Ana Curcelli disse...

Concordo total!!! Taty, falta na lista o falafel da Fernando de Albuquerque, 2 por 11 reais, e é o melhor q já comi!!

Concreto disse...

O Gopala é óóóteeeemo! Por essas e outras que não sou vegan, kkk!

Concreto disse...

O atendimento do Fulô é péssimo, mas a comida sempre boa. Também queria mais indianos, um em cada esquina, como na Europa. Também não gosto do Apfel nem do Vegethus. Outro que não gosto que não está na sua lista é o Lá na Quitanda, na Rodésia. Gororoba ruim total... Mas o Nutrisom eu amo, sempre vou! Também faltou o Alcaparra perto da sua casa... às vezes é bom, às vezes nem tanto.
Uma dica em Pinheiros é um árabe por quilo ma-ra-vi-glo-so na Rua dos Pinheiros com a Fradique. Come-se muito bem e é baratim. Tem também o Mama Leila (na João Moura quase no viaduto da Sumaré), mas é carinho. beijo, Caru (ah, conheci seu irmão na escola da Campinas!)

Tati disse...

O Nutrisom só é boa para vegetarianos, para vegans não tem opção. Da última vez que eu fui eu comi arroz e feijão e fizeram legumes no vapor (Argh) pra eu comer pois não tinha mais nada sem ovo e leite. E ainda tibve que pagar o valor cheio de R$18. Sem comentários, nunca mais voltei!
O Alcaparra é aquela dúvida, né? Nem vou muito.

Mama leila eu amo.
Acabei me esquecendo de vários =D

Vc foi lá na escola?

eeeee, bj

Caius disse...

Fome...
Gosto de todos da lista!
Pena eu não morar mais em SP! :(

Gosto tb do kebab de couve-flor do Kebabel.

Aqui na cidade dos Zés, eu gosto do Lotus>
bjs

DrooDroo disse...

hum adorei a lista apesar de eu não ser vegetariano nem vegan gosto de todo tipo de comida, o banana verde por exemplo me enche de felicidade já falei dele no meu blog kebab salonu entre esses kebabs que apareceram por ai eu acho o melhor o cafe turco deles é sempre bom lembrar, o gopala eu adoro frequento sempre fiz alguns workshops legais lá....o cheiro verde eu não gosto muito, acho que enjoei.
tem um lugar ali na augusta que vende uns chá mate e açai e alguns salgados vegan com farinha integral e tudo eu achei muito gostoso, mas não lembro o nome fica ali bem perdo do cine unibanco,
tem uns lugares na liberdade com coisas incriveis como um restaurante de lutador de sumo chamado de Bueno um pouco caro mais comida feita com amor não tem preco....
adorei o blog vou voltar......
e temos muitos amigos em comum quem sabe agente se encontra por ai em algum restaurante da vida

beijos

SuperSecreta disse...

Já comi em alguns citados como o Gopal, Pompeia I, vegacy e adoro!!!!!!
o cereal brasil das vezes que fui passei mal depois.
o Nutrisom, concordo, não tem gosto de nada!

DrooDroo disse...

hunf não gosto do meu post??? só porque eu como carne né?hihihihih

Tati disse...

Desculpa, não tinha visto que tinha comentário para publicar.

Eu tambem não sou fã de cheiro verde cru e sempre peço pra tirar. Que mania esse povo tem de jogar cheiro verde nos pratos. =S

O em frente do Unibando eu também gosto, acabei me esquecendo de falar dele.
Na Liberdade o meu preferido é o Bahi ( acho que é esse o nome). Eles fazem uma soja com latanja incrível. =)

Vëëh disse...

Adorei as dicas!
Vou parar de fazer reuniõezinhas pros amigos veg/vegans aqui em casa e partir para algum desses! =D

Glauce disse...

Acabei de ver o post pela página do meu blog no Facebook e adorei, tem alguns lugares na lista que nunca fui, queria ter tempo pra ir quando for pra SP de novo.

Vou adicionar o blog e seguir sempre =)

crueltyfreemakeup disse...

Falaí Tati, acabei de descobrir seu blog, bem legal! Tou com um sobre cosméticos cruelty-free, dá uma olhada qdo puder!
http://crueltyfreemakeup.wordpress.com/
Bjo
Juliana

Thiago Almeida disse...

Adorei a dica, janeiro estarei em sampa para estudar cinema. Não terei problemas em relação a alimentação...rs

Abraços, obrigado pelo apoio e me diz o que você produzia.

Postar um comentário